Projeto online realiza atividades com jovens via Instagram

Camila Marques

A socialização é uma etapa essencial do desenvolvimento do jovem com deficiência. Psicóloga de BH achou uma alternativa neste momento de pandemia.

Uma vez definida como a disciplina que lida com especialidades com desafios concretos, a arteterapia trabalha em áreas como a saúde mental, o bem- estar emocional e social da pessoa. Em tempos como estes em que estamos vivendo, com a quarentena e até a excessiva presença e acesso às redes sociais, é muito comum a nossa ansiedade estar mais acentuada do que o normal. Em crianças e adolescentes deficientes, esses transtornos acabam se intensificando porque a socialização é também uma etapa importante do seu desenvolvimento.

Pensando nisso, os profissionais do Musicoterapia BH tiveram  a iniciativa de  criar o perfil @musicantevidafree para compartilhar atividades de estimulação global pelo Instagram para adolescentes e jovens que apresentam intercorrências do desenvolvimento, como o Transtorno do Espectro Autista, Síndrome de Down e Paralisia Cerebral, a fim de oferecer atividades aos participantes, ajudando- os a lidar com o acúmulo de ansiedade neste momento. De acordo com a psicóloga e musicoterapeuta Simone Presotti, idealizadora do projeto, o retorno dos pais das crianças participantes tem sido positivo. O projeto conta ainda com o apoio de colegas de diversas áreas, como psicopedagogos e musicistas, que trazem seus pacientes para participar. Além disso, há profissionais que se voluntariam, participando e compartilhando as atividades realizadas.

Criado em 2019, o Musicante Vida free surgiu como forma de levar as atividades do Musicoterapia BH para o contexto familiar e para profissionais da área, como os terapeutas. Nos encontros, são realizadas atividades voltadas para o conhecimento geral, música, além das atividades de interação. Quem participa recebe um e-book interativo via WhatsApp. Caso o seguidor tenha interesse, é possível receber um instrumento musical e um apoio com mais atividades, podendo também se tornar assinante.

Mas, não é justamente a questão do toque que é mais trabalhada dentro da arteterapia? Simone responde que o toque pode ser associado a várias patologias, o que independe da idade e pessoa. “Considerando que o participante já está utilizando as redes sociais,  partimos do entendimento de que ele já lida com esta forma de interação remota e que já se apropriou dos ajustes necessários para seu quadro geral”, avalia.

Reconhecendo que cenário atual causando pelo COVID-19 influencia o andamento das atividades, a realização das mesmas de um forma remota tornou-se uma alternativa com retorno rápido. “Em um primeiro momento o perfil seria privado, apenas para os vinculados aos trabalhos que já são realizados no espaço Musicoterapia BH, mas, partindo da necessidade atual foi proposto um perfil público.” Oferecer uma rotina organizada que abrange atividades não só ligadas ao conteúdo acadêmico, mas também de prazer e lazer é uma das práticas recomendadas por Simone neste período. “É um momento de descobertas”, registra.

Nesta sexta, dia 24, o Musicante Vida Free realizará uma “live discoteca” e os jovens poderão apresentar sua performance de dança.

 

Para participar e conhecer o projeto acesse o perfil @musicantevidafree no Instagram. Veja a programação semanal das atividades:

*Segunda 15:00 – LIVE – Masterchef @musicantevidafree com a Chef e psicóloga Débora Cabral do projeto de gastronomia inclusiva Gastrô For All.

*Terça 15:00 – LIVE – @simonepresotti Entrevista! (músicos, artistas, blogueiros, etc).

*Quarta 10:00 – LIVE – Tudo sobre o Rock @rubensmoimoso

 16:00 – LIVE – Atividades Sonoras @karylla.musicoterapia

*Quinta 10:00 – LIVE – A Música na sua vida! @simonepresotti e um joven PcD que toca instrumentos musicais ou canta.

  15:00 – LIVE – Atividade Sonoras @brunovergamusicoterapia

*Sexta 17:00 – LIVE – Discoteca INTRATIVA – VENHA DANÇAR COM A GENTE!

 

**Simone Presotti é psicóloga e musicoterapeuta. Desde 1988, atua na neurorreabilitação de crianças adolescentes e idosos no espaço. Oferece também o projeto Musicoterapia BH no Instagram (@musicoterapiabh).

CRP 04 8052.

CBO Mt- 2263-05.

Equipe do Musicante Vida Free:

  • Karylla Amandla de Assis Paula – Musicoterapeuta
  • Bruno Vergas – Musicoterapeuta
  • Júnior Cadima – Psicopedagogo
  • Marina de Paula – Musicista e Psicopedagoga