Selma Sueli Silva “Fiquei apegada e foquei em todas as suas qualidades e foi maravilhoso e fácil de administrar até a chegada de meu filho. Era um terceiro elemento e equacionar os três foi se revelando cada dia mais difícil.” Em casa, éramos quatro mulheres. Minha mãe,...

Camila Marques Jornalista, escritor, apresentador e autista, Victor Mendonça fala sobre os novos desafios na pesquisa de Mestrado, junto à UFMG, sobre gênero, mulher autista, deficiência e teledramaturgia. A vida acadêmica requer e envolve disposição e entrega. Envolve processos, pois pesquisar, além de se dispor...

Victor Mendonça e Selma Sueli Silva Victor: Hoje nós temos a sugestão da internauta Simone Fiorito. Ela pergunta como o adulto faz para se autorregular em alguns lugares que podem ser insuportáveis, mas que fazem parte da rotina de qualquer adulto. Por exemplo, bancos, hospitais, lojas...

Victor Mendonça e Selma Sueli Silva Victor: Hoje vamos falar de um tema bastante delicado, mas que tem gerado muita dúvida entre os nossos internautas, principalmente os adultos desconfiados de que podem ser autistas. Foi uma sugestão da Ari, que disse que passou por uma consulta...

Victor Mendonça e Selma Sueli Silva Selma: Eu e o Victor viemos de uma turnê muito bacana de vários eventos e em um deles uma mãe, a Isabel de Contagem, comentou que queria que o filho trocasse a calça que ele estava usando por uma bermuda,...

Victor Mendonça Relato originalmente proferido por Victor Mendonça em Reunião de Palestra da BSGI - Brasil Soka Gakkai Internacional, em Belo Horizonte, no dia 27 de outubro de 2019 Desde criança, sentia-me perturbado por fortes sentimentos de angústia e inadequação. Acreditava ter muito mais o que dizer...

Victor Mendonça Nos estudos da Semiótica, temos um conceito muito interessante que é o do objeto imediato versus o objeto dinâmico. O objeto imediato refere-se ao fenômeno em si (que pode ser uma pessoa, como um autista conhecido, tipo eu, minha mãe Selma, Rodrigo Tramonte ou...

Selma Sueli Silva Um dos momentos mais tristes que vivi foi quando em uma das sessões de terapia disse que eu tinha uma série de sintomas de autista leve como meu filho e o psicólogo perguntou: “Para que o diagnóstico? Para você poder mandar todo mundo...